Itaúna

Mãe e filho morrem com diagnóstico de Covid-19 em hospital de Itaúna

Foto: Reprodução

Quatro mortes por Covid-19 foram registradas em 48 horas Hospital Manoel Gonçalves de Sousa Moreira, em Itaúna. Duas vítimas, de 68 e 78 anos são da cidade e as outras duas, mãe e filho, são de Itatiaiuçu. O jovem, de 22 anos, era funcionário da unidade hospitalar e morava no município vizinho junto com a mãe, de 44 anos.

Os dois pacientes de Itaúna tinham comorbidades e morreram no sábado (04). A mulher faleceu no mesmo dia e o técnico de enfermagem no domingo (05). Ela foi internada na quinta-feira (02) e possuía doença imunológica. Já o rapaz estava hospitalizado desde o dia 27 de junho e é vítima de reinfecção. Ele já havia contraído a doença em abril.

“Morreram com toda a assistência necessária e com garantia de dignidade humana como deve ser”, afirmou a direção da unidade em nota.

A direção do hospital disse ainda que a Comissão de Enfrentamento ao Covid-19 está empenhada no combate à doença desde fevereiro e que, desde então, houve capacitação da equipe, disponibilização de equipamentos de proteção individual, destinação de estruturas para isolamento dos pacientes contaminados e criação de protocolos de atendimentos dentro das evidências científicas atuais.

Todos os pacientes estavam internados no Centro de Terapia Intensiva (CTI) com suporte ventilatório e sendo medicados conforme orientações científicas atuais. A unidade afirma que eles morreram “em razão exclusiva da infecção por Covid-19”.

“Não faltou nada no atendimento desses pacientes”, declarou a direção.

A unidade também lamentou os óbitos.

“Não são números. São pessoas que deixaram famílias e uma biografia (…) São pacientes que nos foram entregues por suas famílias e nunca mais foram vistos pelos seus. Partiram sem se despedir. Não haverá velório. Tristes tempos esses em que não podemos chorar nossos mortos”.

 

Terceira morte de Itatiaiuçu

Essa é a terceira morte registrada em Itatiaiuçu em decorrência da doença. A primeira foi de um homem, de 52 anos, morador do assentamento do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). A cidade tem 122 confirmações, dentre elas estão o pai e a tia do técnico de enfermagem. Ambos moram na mesma casa e estão em isolamento social.

Para o enfrentamento da doença no município, a prefeitura tem apostado na conscientização, por exemplo, a partir de barreiras sanitárias.

“Muita orientação para a população, porque sabemos que o método mais eficaz é o isolamento”, destaca a coordenadora de atenção primária e epidemiológica, Glaucia Sousa.

Foram adotados protocolos de segurança para atendimentos das pessoas com sintomas e adquiridos equipamentos. Todos os pacientes com sintomas são testados. A cidade conta com apoio das mineradoras que estão testando também os funcionários, mesmo os assintomáticos o que, segundo a coordenadora, tem ajudado na identificação dos casos confirmados.

 

Leitos em Itaúna

Itaúna é referência para pacientes de Itaguara, Piracema e Itatiaiuçu. Entretanto, devido a pandemia, pessoas de outras localidades estão sendo enviadas para tratamento do novo coronavírus na cidade. O município conta com 10 leitos exclusivos para Covid-19, sendo oito para o Sistema Único de Saúde (Sus) e dois para a saúde suplementar. Deles, quatro estão ocupados. Outros cinco pacientes estão em observação e nove internados na enfermaria.

Desde o início da pandemia, a cidade registrou 115 casos confirmados da doença e os dois óbitos do final de semana.

Compartilhe
Tags:
Participe do nosso grupo no whatsapp!
Comentários
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Tapiraímg TV

Parceiros