Polícia Civil instaura inquérito para apurar acidente que deixou um morto e cinco feridos na BR-262

Foto: Ilustrativa/Internet

Um inquérito policial foi instaurado para investigar o capotamento que deixou um morto e cinco feridos na BR-262, em Uberaba, na madrugada do último sábado (10).

Como houve relato de que o motorista, de 35 anos, estava alcoolizado – o que foi confirmado com o teste de etilômetro – a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) informou nesta quarta-feira (14) que a investigação vai apurar o homicídio culposo (quando não há intenção de matar) por embriaguez ao volante e lesão corporal na direção de veículo automotor.

Ainda segundo a PCMG, os envolvidos no acidente serão ouvidos nos próximos dias.

O motorista e um dos passageiros, de idade não informada, foram encaminhados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Mirante. O G1 solicitou o estado de saúde à assessoria de imprensa da Fundação de Ensino e Pesquisa de Uberaba (Funepu), que é responsável pela gestão das duas UPAs da cidade. Em nota, a assessoria informou que os pacientes passaram pelo acolhimento, mas não aguardaram atendimento médico.

Outros três passageiros – um homem, de 32 anos, e duas jovens, de 18 e 19 anos – foram levados ao Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HC-UFTM), onde foram atendidos e liberados no último domingo (11).

 

O acidente

 

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente ocorreu próximo ao km 791, no sentido Uberaba/Sacramento.

Um dos passageiros disse aos policiais que todos estavam sem o cinto de segurança e haviam ingerido bebida alcoólica; o motorista realizou o teste do etilômetro, que confirmou a ingestão de álcool, segundo a PRF.

Os cinco sobreviventes foram socorridos pela equipe de resgate da concessionária Triunfo Concebra, responsável pela administração da rodovia, e levados para a UPA e ao HC-UFTM.

O corpo do homem de 35 anos foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML).

Compartilhe
Participe do nosso grupo no whatsapp!
Comentários
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Tapiraímg TV

Parceiros