Minas Gerais

Homem espanca mulher grávida por causa de camisa suja, em MG

Foto: Reprodução

Um homem de 45 anos foi preso após agredir a companheira, de 37, por causa de uma camisa suja, no bairro Renascença, na região Nordeste de Belo Horizonte, nesta segunda-feira (26). O autor tentou matar a vítima torcendo o pescoço dela, além de dar socos e chutes na cabeça. A mulher está grávida de cinco meses e deu entrada no hospital Odilon Behrens com vários hematomas.

A vítima contou que dormia quando o companheiro chegou em casa, já nesta madrugada, e a acordou. Segundo o relato às autoridades, o homem aparentava estar sob efeito de drogas. Ele perguntou se a companheira havia lavado uma camisa e, após saber que ela tinha esquecido, a obrigou a levantar e lavar.

Assim que estendeu a roupa no varal, o homem mandou que ela lavasse mais uma vez. A partir deste momento, a mulher começou a ser agredida com socos na cabeça, teve o cabelo puxado e passou a receber chutes. Em determinado momento, ela foi enforcada e o homem tentou quebrar o pescoço dela dizendo que a mataria.

Sofrimento

Para tentar se livrar do ataque, a vítima mordeu o dedo do homem e isso o irritou ainda mais, sempre conforme o registro da ocorrência. A mulher foi jogada no chão e recebeu mais socos e chutes. A gestante só não veio a óbito, pois vizinhos conseguiram evitar que o homem prosseguisse pressionando o pescoço dela.

Mesmo assim, o sofrimento da mulher não terminou. O homem obrigou a gestante a lavar a roupa que ela vestia por causa das marcas de sangue. Depois das vestes limpas, o companheiro jogou em um vaso sanitário e, na sequência, arremessou no rosto da mulher.

Pedido de ajuda

Os militares prestaram socorro após denúncia e encontraram a vítima chorando bastante na rua. Ela falou que não ligou para a PM, pois tinha medo que o companheiro descobrisse. A vítima tem uma medida protetiva contra o homem, mas os dois estavam tentando reatar o relacionamento, após ele pedir perdão na última quinta (22).

A vítima foi levada ao hospital Odilon Behrens e foi diagnosticado um corte na testa e hematomas pelo pescoço. A gestante ficou internada em observação.

Prisão

O autor das agressões foi preso após ser encontrado escondido debaixo de uma telha. O homem não apresentou resistência e levado até a 1ª Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher.

Compartilhe
Participe do nosso grupo no whatsapp!
Comentários
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Tapiraímg TV

Parceiros

>