Piracema

Polícia Militar de Meio Ambiente realiza Operação Piracema na região

Foto: PMMA

Na última quinta-feira (1), começou o Período da Piracema, quando se amplia a proteção aos peixes. Neste período de "Defeso" iniciam-se as restrições gerais de pesca que demandam uma maior atenção em relação às atividades pesqueiras, sobretudo, no que tange a captura de pescado, tanto por pescadores amadores quanto para pescadores artesanais e empreendimentos pesqueiros, com a prática de pesca com métodos e técnicas, muitas vezes, proibidos.

Existe também a necessidade de coibir a prática de pesca predatória, com o intuito assegurar a sustentabilidade das diversas espécies da fauna ictiológica, ampliando a malha protetora rotineira, devido à demanda maximizada pelo potencial pesqueiro, sobretudo, do Lago de Furnas, Rio São Francisco e Lagoas Marginais.

Entre os meses de novembro de 2018 e fevereiro de 2019, visando o combate aos crimes ambientais inerentes a pesca predatória, policiais militares do 2º Pelotão PM de Meio Ambiente, sediado em Formiga/MG, irão executar a “Operação Piracema 2018/2019”, desenvolvendo diversas atividades nos 12 municípios quem compõe a responsabilidade territorial do pelotão.

A 7ª Cia PM de Meio Ambiente, executou a Operação Combate a Pesca Predatória – Piracema 2018/2019, na Bacia Hidrográfica do Rio Grande – Represa de Furnas e Rio São Francisco, setor de fiscalização do 2º Pelotão PM de Meio Ambiente, com o objetivo de prevenir e reprimir às infrações e crimes ambientais de pesca, no período de 31 de outubro de 2018 a 03 de novembro de 2018.

Os esforços operacionais foram direcionados para a fiscalização de pesca, declaração de estoque, comércio de pescado e apetrechos, transporte e orientações quanto as restrições e autorizações de ações, durante a Piracema, delimitados pelas Portarias do Instituto Estadual de Florestas - IEF 154 e 156/2011, que normatizam o Período de Defeso nas bacias hidrográficas localizadas no setor do Pelotão

Durante a execução da operação foram obtidos os seguintes resultados:

Atividades operacionais:

Fiscalizações desencadeadas: 99

Mandado de Busca e Apreensão executado: 01

Prisão de autores: 12

Autuações e documentos redigidos:

Autos de Infração redigidos: 22

Valor Total de multas aplicadas: R$ 105.280,56

Termo de Embargo: 01

Termo de Depósito: 15

Termo de Doação: 01

Boletins de Ocorrência lavrados: 17

Fiscalizações realizadas:

Propriedades rurais: 18

Locais de pesca: 78

Pescadores amadores: 265

Pescadores profissionais: 28

Comércio de Pescado: 18

Veículos diversos: 279

Embarcações fiscalizadas: 50

Materiais e veículos apreendidos:

Embarcações: 07

Rede de pesca (metro linear): 9966

Rede de pesca (unidade): 264

Tarrafa: 01

Anzóis: 47

Espinhéis: 05

Pindas: 144

Jequi: 01

Motores de barco: 03

Pescado (kg): 98

Maiores informações podem ser obtidas através do telefone (37) 3322-1454.

Comentários

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Tapiraímg TV