Indenização

Paróquia em Divinópolis terá que indenizar família após morte de trabalhador durante reforma

Foto: Anna Lúcia

A Igreja Nossa Senhora da Guia em Divinópolis terá que indenizar a família de um homem de 32 anos, que morreu enquanto trabalhava na reforma do teto da paróquia em 2015, em R$ 400 mil. A informação foi confirmada ao nesta sexta-feira (26), pelo padre Carlos Henrique Alves.

Segundo o padre, o processo movido pela família da vítima terminou neste mês de abril e a decisão foi divulgada pela Igreja durante a celebração de uma missa na paróquia no domingo (21).

A vítima estava fazendo as obras de reparo do teto da Igreja, que na época passava por reforma, e caiu de uma altura de mais de dez metros. Ele chegou a ser socorrido com vida, mas morreu a caminho da Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

O padre não deu detalhes de quando a paróquia fará esse pagamento, e nem informou de onde virá o dinheiro que será usado para no custeio. “Essa indenização será feita o mais breve possível”, pontuou Carlos Henrique.

 

Relembre o caso

A Igreja Nossa Senhora da Guia fica no Bairro Vila Horizonte e foi fechada no inicio de 2015 para obras de restauração. Na ocasião, a vítima trabalhava nas obras de manutenção do teto da paróquia, quando se acidentou.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o homem, provavelmente, pisou em uma parte do telhado que estava solta e caiu.

Segundo uma equipe médica da unidade, o homem teve politrauma grave e não resistiu os ferimentos. Ele usava parte de equipamento de segurança, como cordas, mas não estava com capacete.

Comentários

ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Tapiraímg TV